2 comentários em “Introdução à leitura poética do mapa astral

  • 20 de abril de 2017 em 08:59
    Permalink

    Nossa, hoje com o auxilio de programas de computador ate que fica relativamente facil, mas imagina como era antigamente pra fazer o mapa astral de uma pessoa pra saber precisamente onde determinados planetas se encontravam em suas orbitas! Falando em poetas e poesia, existe alguma indicacao de que Cruz e Souza foi iniciado em alguma ordem ou possuia algum conhecimento ocultista?

    Resposta
    • 11 de agosto de 2017 em 22:39
      Permalink

      Pois é! Na Antiguidade “matemático” e “astrólogo” eram palavras sinônimas. O desenvolvimento da álgebra, geometria, etc., se fez junto com o conhecimento do movimento dos astros. Sobre Cruz e Souza eu não sei te responder, mas é bem possível. Muitos poetas foram estudiosos de astrologia por exemplo Fernando Pessoa!

      Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *